O bondinho do Pão de Açúcar é um dos pontos turísticos mais visitados do Brasil (Tomaz Silva/Agência Brasil)

Aprovado em dezembro pela Câmara dos Deputados, o projeto que estabelece um Acordo Céus Abertos entre Brasil e Estados Unidos, que leva à liberalização de mais voos semanais entre os dois países, pode gerar diversos benefícios para o turismo no País. A avaliação é de Carlos Palmeira, presidente da Associação Brasileira das Agências de Viagem (Abav).

Conheça o Movimento Brasileiro pelos Céus Abertos

“A medida é benéfica para o setor. Esse tipo de ação amplia o número de oferta de voos e, consequentemente, na redução de preços das tarifas. Entendo essa aprovação da Câmara como extremamente benéfica para todo o turismo nacional”, afirmou.

Aprovado pela Câmara em votação simbólica em 19 de dezembro, o projeto que estabelece o Acordo Céus Abertos entre Brasil e EUA agora aguarda a apreciação do Senado. O texto, em seguida, dependerá da sanção do presidente Michel Temer. O Ministro do Turismo, Marx Beltrão, também já sinalizou que vê o acordo de Céus Abertos de maneira positiva e entende que a aprovação é importante para movimentar o turismo no Brasil.

Com a aprovação do acordo será retirado o limite de voos semanais entre os dois países, que hoje é de 301. Segundo um estudo da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), o número de passageiros em rotas internacionais com destino ou origem no Brasil pode aumentar em até 47% com o Céus Abertos.

Visto Eletrônico

Além do Céus Abertos outra medida promete ser positiva para o turismo brasileiro. O visto eletrônico para turistas americanos já está disponível e facilita a viagem ao Brasil. Além dos Estados Unidos, Austrália, Canadá e Japão também já oferecem a opção para quem quer visitar o Brasil.

(Com informações da Agência Brasil)

Leia também:

 

Vistos eletrônicos facilitam visita de americanos ao Brasil

Céus Abertos pode contribuir para o turismo em Pernambuco

Deixe um comentário::

Deixe uma resposta