Turistas americanos que querem visitar o Brasil poderão usar visto eletrônico, o chamado E-visa, a partir desta quinta-feira segundo informa o jornal O Estado de Minas. A medida torna a viagem de americanos ao país muito mais fácil, uma vez que não é preciso visitar a embaixada brasileira. Basta acessar o site www.vsfglobal.com/brazil-evisa-foto e receber o visto em até 72 horas.

Ainda segundo o jornal, os americanos estão entre os estrangeiros que mais visitam o Brasil, atrás apenas dos argentinos. Com o visto eletrônico o Ministério do Turismo calcula que pode haver um aumento de até 25% no número de visitantes ao país. Por exigir que turistas entregassem o passaporte ao pedir o visto tradicional, muitos turistas desistiam de vir ao Brasil. “A facilitação dos vistos tem como objetivo reduzir a burocracia e, acima de tudo, estimular a entrada de turistas estrangeiros no Brasil”, afirmou o Ministro do Turismo Marx Beltrão.

Céus abertos também facilitará viagem de americanos. Saiba mais.

Durante a Copa do Mundo e as Olimpíadas, o Brasil já havia facilitado a entrada de turistas provenientes de países com exigências de visto como Estados Unidos, Canadá e Japão. Na época, turistas podiam ficar no país por até 90 dias sem a necessidade do documento. A medida foi revogada em setembro de 2016. Agora, além dos Estados Unidos, turistas da Austrália, Canadá e Japão também podem pedir vistos eletrônicos.

Assim como o visto eletrônico, o Acordo de Céus Abertos também vai facilitar as viagens de turistas americanos ao Brasil, oferecendo mais rotas e mais opções de voos. Caso seja aprovado pelo Senado, o acordo elimina barreiras no serviço aéreo internacional entre o Brasil e os Estados Unidos, incentivando o turismo. Segundo a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), o número de passageiros em rotas internacionais de e para o Brasil pode aumentar em até 47% após a ratificação do Céus Abertos, gerando cerca de 6 milhões de passageiros internacionais para o Brasil.

Leia mais:

Cônsul-Geral dos EUA fala sobre o valor do Acordo de Céus Abertos

Países mais visitados por brasileiros ainda não têm Céus Abertos

Deixe um comentário::

Deixe uma resposta